domingo, 22 de abril de 2018

ARTISTA PLASTICO FOI MORTO DURANTE OPERAÇÃO POLICIAL EM CANDEIAS

Por Clóvis Gonçalves

O artista plástico Arnaldo Filho, conhecido como “Nadinho”, 61 anos de idade, foi morto dentro de sua prórpia casa, durante uma operação da Polícia Militar na noite deste último sábado 21 de abril, na cidade de Candeias, região metropolitana de Salvador. De acordo com a Polícia Militar, ele portava um revólver e disparou contra a guarnição, da janela de casa, mas a arma falhou. A família nega a versão apresentada e afirma que a equipe invadiu a casa dele (artista plastico) em busca de um suspeito e já chegou atirando. No momento, ele estaria desenhando. A Corregedoria Geral da Polícia Militar da Bahia investiga o caso.
PROTESTO
Amigos e familiares fizeram uma caminhada na tarde deste último domingo 22 de abril e uma missa foi realizada na igreja da cidade de Candeias após a morte de “Nadinho” como era carinhosamente conhecido. Com bastante emoção e revolta, eles levaram quadros do artista e carregaram o caixão até a igreja, onde foi realizada uma missa de corpo presente. O enterro estava previsto para acontecer no Cemitério Recanto da Saudade. Candeias Mix)

POLÍCIA MILITAR FAZ APREENSÃO DE DRONE IRREGULAR NO MICARETA DE FEIRA DE SANTANA

Por Clóvis Gonçalves

Tropas da Polícia Militar da Bahia apreenderam, na madrugada deste último domingo micareta (22 de abril), um Drone com irregularidades, na Micareta de Feira. O equipamento estava sem as documentações necessárias e o condutor sem o seguro aeronáutico, que é obrigatório de acordo com legislação em vigor.

As guarnições faziam patrulhamento, no circuito da festa, quando visualizaram o drone voando em uma altura abaixo da permitida pela legislação, colocando em risco a integridade física dos foliões. Após localizar o operador do drone e constatar as irregularidades ambos foram apresentados, no posto da Polícia Civil. Informações da Polícia Militar da Bahia

POLÍCIA CIVIL DA BAHIA DESARTICULA QUADRILHA APÓS PRISÃO NA MICARETA DE FEIRA DE SANTANA NA BAHIA

Por Clóvis Gonçalves

Com a prisão de Daiany Maria das Neves flagrada tentando comprar bebida com uma nota falsa de R$ 100, na madrugada deste domingo (22), na Micareta de Feira de Santana, a Polícia Civil conseguiu desarticular uma quadrilha de estelionatários.

A criminosa foi descoberta pelo vendedor ambulante que ela tentava enganar. Ele acionou uma guarnição da Polícia Militar, que conduziu Daiany até a Central de Flagrantes (CF), da Polícia Civil, montada no Colégio Estadual de Feira de Santana.

A partir do interrogatório conduzido pela delegada Amanda Cruz e investigações realizadas pela equipe que estava de plantão na CF, diligências foram realizadas e mais quatro bandidos foram presos no distrito de Berimbau, em Conceição do Jacuípe.
Jorge Ângelo da Silva, Itamar Melo Silva, Macswell da Silva Pereira e Tiago Santos Silva Conrado foram flagrados com R$ 9,8 mil, em notas falsas de 100. O grupo estava em uma casa, localizada no Conjunto Habitacional Nova Esperança, naquela cidade.

De acordo com o delegado Jean Silva, titular da Delegacia Territorial (DT) de Conceição do Jacuípe, Jorge Ângelo cumpria prisão domiciliar por homicídio qualificado. “Quando as equipes localizaram os criminosos, a tornozeleira eletrônica dele estava aberta”, comentou o delegado.

O quarteto foi autuado por porte de moeda falsa e formação de quadrilha, enquanto que Daiany vai responder por estelionato. Na ação, os policiais cumpriram um mandado de prisão preventiva contra Itamar, também por posse de dinheiro falso e pela tentativa de repassar as notas.

Dois veículos Renault, modelo Symbol, nas cores prata e cinza, R$ 412, em espécie, e celulares também foram apreendidos. As notas falsas foram encaminhadas para perícia no Departamento de Polícia Técnica (DPT). Os cinco criminosos foram encaminhados para o Complexo de Delegacias do Sobradinho e passarão por audiência de custódia. Informações da Secretaria de Segurança Pública da Bahia (SSP-BA) com fotos de Letícia Rastelly (Ascom)

SALVADOR-BA: HOMEM É DETIDO QUANDO PICCHAVA MURO DA GUARDA CIVIL MUNICIPAL

Por Clóvis Gonçalves

Um homem, identificado como Gelmar Melo Araújo, foi detido por agentes da Guarda Civil Municipal de Salvador, lotados no Grupamento de Operações Especiais (GOE), quando pichava o muro da instituição, às margens da Avenida San Martin, no bairro da Fazenda Grande do Retiro em Salvador.
O acusado foi flagrado por uma equipe da Guarda Civil por volta das 06 horas de hoje (22 de abril), com duas latas de spray, cometendo o crime ambiental. “A Guarda Civil tem intensificado as ações de fiscalização ao longo de toda a cidade, onde estamos trabalhando com tolerância zero. É uma afronta um ato como este ser praticado em nossa casa. Esperamos agora que a justiça adote todas as providências cabíveis ao fato”, afirmou o Inspetor Geral da GCM, Alysson Carvalho.
De acordo com o Diretor Geral do órgão, Maurício Lima, o crime de pichação é considerado vandalismo e crime ambiental. “De acordo com o artigo 65, da Lei 9.605/98, quem pratica esse tipo de crime pode pegar pena de detenção de 3 meses a 1 ano, além de multa, para quem pichar, grafitar ou por qualquer meio conspurcar edificação ou monumento urbano”, detalhou Maurício, ao ressaltar que os autores deste tipo de ação ainda podem responder na Lei Municipal Nº 8645/2014, que institui sanções administrativas para os atos de vandalismo. 
“A Guarda Civil reforça a população sobre a importância da conservação do patrimônio público. O vandalismo custa caro, por isso é muito importante que cada cidadão conserve e cuide da cidade”, completou o Inspetor Geral, Alysson Carvalho. Gelmar Melo Araújo foi encaminhado para a Central de Flagrantes, no Iguatemi, para adoção das medidas cabíveis.

COM APOIO DA POLÍCIA FEDERAL, PARAGUAI APREENDE 865 TONELADAS DE MACONHA

Por Clóvis Gonçalves

A Polícia Federal participou da Operação Alianza I, no Paraguai, que apreendeu e incinerou 865 toneladas de maconha nas localidades de Alpasa e María Auxiliadora, no departamento de Amambay. A ação foi deflagrada na sexta-feira, 20, em conjunto com a Secretaria Nacional Antidrogas e as forças armadas do Paraguai. A quantidade, apreendida antes de ser introduzida no mercado, é mais que o dobro do retirado de circulação pela PF (354 toneladas) no Brasil em 2017.
A operação teve como objetivo erradicar cultivos de maconha que abastecem os países da região e as facções criminosas no Brasil. A droga apreendida e incinerada foi avaliada em US$ 25 milhões. A PF atua no combate ao narcotráfico no Paraguai por meio de sua Coordenação Geral de Polícia de Repressão a Drogas (CGPRE), ligada a Diretoria de Combate ao Crime Organizado (DICOR), e do Oficialato de Ligação do país.
A Alianza I contou com apoio financeiro e logístico da PF e o oficial de ligação da corporação brasileira no Paraguai acompanhou toda a ação. Os investigadores se valeram de sobrevoos na região para mapear 89 lotes de cultivo da erva espalhados em uma área de 216 hectares. A estimativa divulgada é que a destruição dessas plantações resultem na retirada de 648 toneladas de maconha do mercado.
Os investigadores também encontraram 163 acampamentos onde a droga era processada e prensada para ser exportada. Nesses locais, as forças de segurança aprenderam outras 214 toneladas de pés cortados aguardando processamento e outras 3,3 toneladas da droga prensada, a forma como é vendida. Foram apreendias também 51 prensas utilizadas para embalar a maconha.
Segundo a PF, a primeira fase da Operação Aliança I será retomada na semana que vem, com previsão de término para o dia 30 de abril.(InformeBaiano)

SALVADOR-BA: VAI FAZER CONCURSO DA POLÍCIA CIVIL? ÔNIBUS TERÃO ESQUEMA ESPECIAL

Por Clóvis Gonçalves

Ao todo, foram 48.029 mil inscritos – considerado recorde pela organização
Para garantir que os candidatos que vão fazer o concurso público da Polícia Civil da Bahia neste domingo (22) chegam antes dos portões serem fechados, às 9h, as linhas de ônibus municipais serão reforçadas. Ao todo, segundo a Secretaria Municipal de Mobilidade (Semob), os coletivos vão funcionar em horário especial, das 6h às 16h, da Baixa do Fiscal até a Ribeira, com exceção da linha 111 – Baixa do Fiscal/Brasilgás, que também vai operar com a frota máxima.
Além disso, os concurseiros podem contar também com três veículos da frota reserva para a Estação Acesso Norte. De acordo com a Secretaria da Administração do Estado da Bahia (SAEB), o certame teve 48.029 mil inscritos número considerado recorde pelo órgão. Só para o cargo de delegado da Polícia Civil serão 129 candidatos concorrendo para cada uma das 82 vagas previstas no edital – ou seja, 10.625 pessoas se inscreveram. Os cargos de escrivão tiveram 2.422 inscritos, levando à concorrência de 63 inscritos por vaga. Já para investigador, 34.971 pessoas se inscreveram –chegando, assim, a 39 inscritos por vaga. Os salários podem chegar a R$ 11.389,96 para delegados, com regime de trabalho de 40 horas semanais. Investigadores e escrivães de polícia aprovados terão remuneração inicial de R$ 3.915,85, também com regime de 40 horas
Os cargos de escrivão tiveram 2.422 inscritos, levando à concorrência de 63 inscritos por vaga. Já para investigador, 34.971 pessoas se inscreveram –chegando, assim, a 39 inscritos por vaga. Os salários podem chegar a R$ 11.389,96 – para delegados, com regime de trabalho de 40 horas semanais. Investigadores e escrivães de polícia aprovados terão remuneração inicial de R$ 3.915,85, também com regime de 40 horas Para o cargo de Delegado de Polícia é necessário ter concluído curso superior em Direito. O cargo de Investigador de Polícia exige formação superior em qualquer área e Carteira Nacional de Habilitação “B”, enquanto que o cargo de Escrivão de Polícia requer apenas o curso superior em qualquer área.
Ao todo, são cinco etapas do certame: as provas objetiva e discursiva, o exame biomédico, o teste de aptidão física, além do exame psicotécnico, prova de títulos e a investigação social e de conduta pessoal. Os portões abrem às 8h e fecham, impreterivelmente, às 9h, portanto, é importante que o candidato se planeje e confira com bastante atenção os dados contidos no Cartão Informativo para evitar qualquer contratempo.
Confira as linhas de ônibus que terão reforço
1511    Conj. Pirajá I – Eng. V. Federação Plataforma
1611    Paripe - Pituba Plataforma
0213     Ribeira - Federação Plataforma
0216    Ribeira - Lapa Plataforma
0221     Ribeira-Barbalho/Faz. Garcia Plataforma
1637     Mirante Periperi-Boca do Rio/Rodoviária Plataforma
0403    Caixa D’Água - Lapa Plataforma
1413    Boca da Mata - Lapa OTTrans
1207    Tancredo Neves - Pituba OTTrans
1220    Mata Escura - Pituba OTTrans
1340    Estação Pirajá – Barra 1 OTTrans
0131    Lapa – Patamares R! Salvador Norte
0315    Fazenda Grande Retiro - Itapuã Salvador Norte
1002    Aeroporto-Campo Grande Salvador Norte
0503     Brotas- Lapa Salvador Norte
0803    Pituba - Campo Grande R1 Salvador Norte
0924     Conjunto Marback – Acesso Norte Salvador Norte
0704    Federação - Nazaré Salvador Norte
0915    Vale dos Rios / Stiep R4 Salvador Norte
0102    Barbalho-Iguatemi Salvador Norte
0931    Rio das Pedras – Campo Grande R1 Salvador Norte
1051    Estação Mussurunga Barra R1 Salvador Norte
1053    Estação Mussurunga Barra 3 Salvador Norte
R026     Regulador Acesso Norte Salvador Norte 8266 1
R026    Regulador Acesso Norte Plataforma 8267 1
R026     Regulador Acesso Norte OTTrans 8268 1
DICAS 
Banca  - A organizadora do concurso é a paulista Vunesp, que propõe provas com foco maior nos conteúdos básicos.  Português -  A característica da banca é trabalhar com interpretação de textos e charges e tópicos linguísticos envolvendo concordância, ortografia, pontuação, regência e emprego de conjunção. 

Informática - A Vunesp privilegia questões sobre Windows e pacote MS-Office, com destaque para a parte visual.  Na área policial, pergunta sobre redes de computadores e de segurança da informação. Direito - As provas da Vunesp são ‘legalistas’, segundo professores. É comum a cobrança  em cima da letra da lei, com algumas decisões do Supremo Tribunal Federal, casos práticos e situações hipotéticas. Candidatos - Especialistas ouvidos pelo CORREIO indicam que a concorrência é formada por pessoas com nível superior em profissões com carência de mercado buscando estabilidade. Estudos - Reserve algumas horas do dia para revisar o conteúdo estudado, principalmente com a resolução de questões cobradas em  provas de certames anteriores.  Tempo-Administre para conseguir responder as provas objetiva e discursiva. Alimentação-Tanto na véspera quanto no dia da prova, se alimente de maneira leve e saudável. Leve água e barras de cereal para a prova. 
Para o cargo de Delegado de Polícia é necessário ter concluído curso superior em Direito. O cargo de Investigador de Polícia exige formação superior em qualquer área e Carteira Nacional de Habilitação “B”, enquanto que o cargo de Escrivão de Polícia requer apenas o curso superior em qualquer área.
Ao todo, são cinco etapas do certame: as provas objetiva e discursiva, o exame biomédico, o teste de aptidão física, além do exame psicotécnico, prova de títulos e a investigação social e de conduta pessoal. Os portões abrem às 8h e fecham, impreterivelmente, às 9h, portanto, é importante que o candidato se planeje e confira com bastante atenção os dados contidos no Cartão Informativo para evitar qualquer contratempo.
Confira as linhas de ônibus que terão reforço
1511    Conj. Pirajá I – Eng. V. Federação Plataforma
1611    Paripe - Pituba Plataforma
0213     Ribeira - Federação Plataforma
0216    Ribeira - Lapa Plataforma
0221     Ribeira-Barbalho/Faz. Garcia Plataforma
1637     Mirante Periperi-Boca do Rio/Rodoviária Plataforma
0403    Caixa D’Água - Lapa Plataforma
1413    Boca da Mata - Lapa OTTrans
1207    Tancredo Neves - Pituba OTTrans
1220    Mata Escura - Pituba OTTrans
1340    Estação Pirajá – Barra 1 OTTrans
0131    Lapa – Patamares R! Salvador Norte
0315    Fazenda Grande Retiro - Itapuã Salvador Norte
1002    Aeroporto-Campo Grande Salvador Norte
0503     Brotas- Lapa Salvador Norte
0803    Pituba - Campo Grande R1 Salvador Norte
0924     Conjunto Marback – Acesso Norte Salvador Norte
0704    Federação - Nazaré Salvador Norte
0915    Vale dos Rios / Stiep R4 Salvador Norte
0102    Barbalho-Iguatemi Salvador Norte
0931    Rio das Pedras – Campo Grande R1 Salvador Norte
1051    Estação Mussurunga Barra R1 Salvador Norte
1053    Estação Mussurunga Barra 3 Salvador Norte
R026     Regulador Acesso Norte Salvador Norte 8266 1
R026    Regulador Acesso Norte Plataforma 8267 1
R026     Regulador Acesso Norte OTTrans 8268 1

DICAS 
Banca  - A organizadora do concurso é a paulista Vunesp, que propõe provas com foco maior nos conteúdos básicos. Português -  A característica da banca é trabalhar com interpretação de textos e charges e tópicos linguísticos envolvendo concordância, ortografia, pontuação, regência e emprego de conjunção. Informática - A Vunesp privilegia questões sobre Windows e pacote MS-Office, com destaque para a parte visual.  Na área policial, pergunta sobre redes de computadores e de segurança da informação. Direito - As provas da Vunesp são ‘legalistas’, segundo professores. É comum a cobrança  em cima da letra da lei, com algumas decisões do Supremo Tribunal Federal, casos práticos e situações hipotéticas. Candidatos - Especialistas ouvidos pelo CORREIO indicam que a concorrência é formada por pessoas com nível superior em profissões com carência de mercado buscando estabilidade. Estudos - Reserve algumas horas do dia para revisar o conteúdo estudado, principalmente com a resolução de questões cobradas em  provas de certames anteriores. Tempo  - Administre para conseguir responder as provas objetiva e discursiva. Alimentação - Tanto na véspera quanto no dia da prova, se alimente de maneira leve e saudável. Leve água e barras de cereal para a prova.(Correio24horas)